top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Clínica da Mulher de Senador Canedo promove redes solidárias entre moradores

A ação tem resultado efetivo no cotidiano do público atendido, pois o trabalho é desenvolvido conforme as necessidades individuais e comunitárias.

Pacientes que realizam as sessões em grupo na Clínica da Mulher, às terças-feiras - Foto: Roberta Bittar

Em Senador Canedo, através da Secretaria Municipal de saúde, a prefeitura promove diversos atendimentos psicossociais para a população em geral. Assim como as unidades dos Centros de Atenção Psicossociais (Caps), que oferecem serviços de saúde de caráter aberto e comunitário voltados às pessoas com sofrimento psíquico ou transtorno mental, incluindo aquelas com necessidades decorrentes do uso de álcool, crack e outras substâncias.


Agora, a Clínica da Mulher passa a oferecer mais um braço do serviço. Com uma abordagem psicossocial avançada, realiza a prática terapêutica coletiva que envolve os membros da comunidade em atividade de construção de redes sociais solidárias.


Segundo o diretor da unidade, Johnny Carter, o objetivo da ação é fortalecer os vínculos e promover a qualidade de vida dos pacientes. “Estamos trabalhando para oferecer bem-estar para toda a população e esses grupos são ambientes seguros para compartilhar as experiências de vida e sabedoria, de forma horizontal e circular.”, afirma o diretor.

Pacientes que realizam as sessões em grupo na Clínica da Mulher, às quintas-feiras - Foto: Roberta Bittar

Marcos Antônio Evangelista, paciente que já faz uso dos serviços de atenção psicossocial, relata que esses atendimentos mudaram sua vida, uma vez que ele conseguiu entender o que ele estava passando e com isso pode buscar um tratamento. “Esses grupos foram essenciais na minha vida, sério, antes eu era agressivo, brigava e eu não entendia o porque, depois que passarei a frequentar esses grupos, consegui entender que eu tinha alguns transtornos e fiz todo o tratamento. Eu convido todos a participarem e entenderem o que se passa dentro de você”, concluiu.


A Clínica da Mulher oferece esse serviço à comunidade às quintas e sextas-feiras, às 9h, para pacientes maiores de idade, é necessário realizar o agendamento pelo Sisreg Terapeuta Comunitária Integrativa. O atendimento oferecido pelo CAPS é diário, e para que o morador possa utilizar o serviço, basta procurar uma das unidades das 8h às 17h, sua assistente social ou uma Unidade Básica de Saúde.

Comentários


Publicidade

Publicidade

bottom of page