top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Durante posse de procuradores de Justiça, Caiado faz defesa da democracia

Governador participou de sessão solene nesta terça-feira (18/10) e teve reconhecida a atuação do governo estadual para o fortalecimento do Ministério Público de Goiás (MPGO)

Durante posse de procuradores de Justiça, Caiado faz defesa da democracia
Governador Ronaldo Caiado prestigia posse de sete novos procuradores de Justiça do Ministério Público de Goiás — Foto: André Saddi

O governador Ronaldo Caiado participou na noite desta terça-feira (18/10), em Goiânia, da solenidade de posse de sete novos procuradores de Justiça do Ministério Público de Goiás. Os nomes foram definidos pelo Conselho Superior do órgão (CSMP-GO) durante reunião extraordinária realizada em setembro. Alguns dos critérios considerados para a promoção são antiguidade e merecimento.


Tomaram posse os promotores Alencar José Vital, Antônio de Pádua Rios, Carla Fleury de Souza, Cleide Maria Pereira, Maurício José Nardini, Vanusa de Araújo Lopes Andrade e Villis Marra Gomes. “Goiás está à inteira disposição para manter sempre o diálogo e enfrentar os desafios para se tornar referência no Brasil como um Estado que tem respeito ao cidadão. É fundamental que a gente defenda todos os dias a democracia”, destacou o governador.


“Celebramos hoje o ingresso num seleto público que compõe a mais alta administração do Ministério Público”, salientou o procurador Alencar José Vital, que falou em nome dos empossados. Na ocasião, Vital agradeceu ao governador pela presença na solenidade e pelo “trabalho incessante e profícuo em prol do fortalecimento do Ministério Público, a quem cabe a defesa do regime democrático”.


Desejando boas-vindas aos empossados, em seu discurso o procurador-geral de Justiça Aylton Vechi disse que o MP espera “construir um Colégio de Procuradores mais forte e afinado com a realidade da instituição” e que, além disso, a atuação conjunta do MP com demais órgãos deve ser baseada em diálogo.

Foto: André Saddi

Currículos

Conforme definição do CSMP, Alencar José Vital foi promovido por antiguidade. O procurador ingressou no MPGO em 1990 e já atuou nas promotorias de Uruana, Padre Bernardo, Rio Verde, Catalão, Goiás, São Miguel do Araguaia e Goiânia. Antônio de Pádua também foi escolhido por antiguidade. Ele iniciou carreira no MPGO em 1990 e tem passagem por Panamá, Araçu, Itapaci, Anápolis e Goiânia.


Carla Fleury de Souza teve promoção por merecimento. Entrou no MP em 1992 e trabalhou em Mozarlândia, Uruana, Itapuranga, Inhumas e Goiânia. Cleide Maria Pereira foi promovida por antiguidade. Com ingresso no MPGO em 1990, atuou em Caçu, Paranaiguara, Corumbá de Goiás, Santa Helena de Goiás e Goiânia.


Maurício José Nardini recebeu promoção por merecimento. Ele iniciou carreira no MPGO em 1992. Trabalhou em Nerópolis, Acreúna, Itapaci, Jataí e Goiânia. Vanusa de Araújo Lopes Andrade foi nomeada por antiguidade. Integra o MPGO desde 1991 e passou pelas promotorias de Ivolândia, Leopoldo de Bulhões, Anicuns, Anápolis e Goiânia. Villis Marra foi promovida por merecimento. Começou no MPGO em 1992 e passou por Barro Alto, Goianira, Rubiataba, Luziânia, Anápolis e Goiânia.


Também estiveram presentes na solenidade a procuradora-geral do Estado Juliana Prudente; o presidente da Associação Goiana do Ministério Público (AGMP), Benedito Torres Neto; o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, Joaquim de Castro; os deputados estaduais Bruno Peixoto e Eduardo Prado; além de subprocuradores gerais de justiça, magistrados e membros do MPGO.

Comentarios


Publicidade

Publicidade

bottom of page