top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Fiscais evitam desmatamento de 150 hectares e apreendem máquinas avaliadas em R$ 1,7 milhão

Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável recebe denúncia e envia equipes a campo, após estudos e levantamentos feitos com imagens de satélite

Fiscais evitam desmatamento de 150 hectares e apreendem máquinas avaliadas em R$ 1,7 milhão
Fiscais impediram desmatamento de 150 hectares de vegetação de Cerrado em Vila Propício - Foto: Divulgação/Semad

A ação rápida do Governo de Goiás impediu o desmatamento de uma área de 150 hectares no município de Vila Propício, nesta quarta-feira (10/5). Além de lavrar um auto de infração por conta da supressão de vegetação sem licença, os fiscais da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) apreenderam duas escavadeiras hidráulicas e uma pá-carregadeira, com valor estimado em R$ 1,7 milhão.


A Semad soube da irregularidade por meio de uma denúncia no último dia 9. Imediatamente, técnicos buscaram imagens de satélite do local indicado pelo denunciante e fizeram uma comparação com retratos de datas anteriores. Constatou-se que a retirada da vegetação na área havia acabado de iniciar. Os mapas de apoio foram entregues aos fiscais encarregados de interceptar a ação de desmatamento.


As equipes chegaram no início do processo, a intenção era desmatar toda a área de vegetação remanescente da propriedade, em local passível de supressão. Dessa forma, evitou-se o desmatamento de cerca de 150 hectares.


"A Semad conta com um grande acervo de dados geoespaciais e imagens de satélite diárias. Ou seja: é possível acompanhar mudanças no uso e cobertura do solo quase que em tempo real", afirma Andréa Vulcanis, secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. "Além disso, os fiscais estão em constante treinamento e preparados para agir rapidamente em casos de possível flagrante", completa.

留言


Publicidade

Publicidade

bottom of page