top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Governo de Goiás inaugura mais um colégio estadual da Polícia Militar

Instituição de ensino inicia suas atividades no prédio do antigo Colégio Estadual do Setor Palmito, em Goiânia. Alunos receberam conjuntos de uniformes e kits de material escolar, além de Chromebooks

Governo de Goiás inaugura mais um colégio estadual da Polícia Militar
CEPMG do Setor Palmito é a segunda unidade inaugurada pelo Governo de Goiás neste ano: alunos receberam uniformes e kits de material escolar - Foto: Divulgação/Seduc

Mais um colégio da Polícia Militar passa a fazer parte da rede pública estadual. O Colégio Estadual da Polícia Militar de Goiás (CEPMG) do Setor Palmito funciona nas dependências do antigo Colégio Estadual do Setor Palmito, no Jardim Novo Mundo, em Goiânia.


A instituição de ensino atende 1.258 alunos nos três turnos, distribuídos em turmas do Ensino Fundamental II e Ensino Médio. Os estudantes da nova unidade escolar receberam conjuntos de uniforme, kits de material escolar e para as turmas da 3ª série do Ensino Médio foram entregues Chromebooks.


Com a entrada em funcionamento do novo colégio da Polícia Militar, a rede estadual de ensino passa a contar agora com 67 CEPMGs. O CEPMG do Setor Palmito é a segunda unidade inaugurada neste ano. A primeira foi no dia 18 de janeiro, quando o vice-governador Daniel Vilela esteve em Mineiros para a abertura do ano letivo e participou da inauguração do CEPMG Professora Alice Pereira Alves.


Investimentos

O conjunto de uniformes distribuído pelo Governo de Goiás para os colégios estaduais da Polícia Militar é composto por duas calças ou duas saias, duas camisas, dois pares de meias pretas, um par de sapato social, um cinto e um bibico. Além disso, os alunos recebem também um kit para Educação Física, que inclui duas camisetas sem manga, duas calças, 1 short ou saia/short, 2 pares de meias brancas e um par de tênis. No total, foram investidos R$ 45 milhões na aquisição desses uniformes.


Já os kits de material escolar reúnem cadernos universitários; calculadora de bolsa; canetas esferográficas preta, azul e vermelha; cola branca; esquadros; régua; transferidor; lápis de cor e lápis grafite; apontadores e borrachas escolares. A quantidade de itens, no entanto, varia conforme a etapa de ensino atendida. O investimento feito na compra dos kits foi de R$ 23,6 milhões.

Comments


Publicidade

Publicidade

bottom of page