top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Trio de garis de Goiânia dança no Programa Rodrigo Faro e ganha prêmio

Grupo formado por três mulheres mostra habilidade e desenvoltura em programa de televisão. Mulheres, que trabalham na Comurg, ganharam o coração dos goianienses com suas postagens divertidas na internet

Trio de garis de Goiânia dança no Programa Rodrigo Faro e ganha prêmio
Trio de garis da Comurg dança no Programa Rodrigo Faro e ganha prêmio de 30 mil reais - Foto: Reprodução/TV Record

As garis Eliane Evangelista Dourado, Gersonete Sousa Silva e Sheila Gracinete Silva viajaram para São Paulo (SP), para atender a um convite especial para dançar no Programa Rodrigo Faro, exibido no domingo (04/6). O trio, que trabalha na Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg), ganhou o coração dos goianienses com suas postagens divertidas na internet, mas não imaginava que ficaria famoso com os vídeos publicados, e muito menos que levariam um prêmio de 30 mil reais.


A varredora de rua, Eliane Dourado, de 43, anos contou, ao desembarcar em Goiânia, como foi a experiência da fama em rede nacional. Segundo ela, a emoção foi contagiante desde a experiência da viagem de avião até conhecer pessoalmente o apresentador do programa. “Eu fui muito bem recebida e tratada como artista. Depois que voltei pra casa, estou recebendo muitas mensagens e ligações, é uma alegria muito grande”.


A empolgação também tomou conta do coração de Gersonete Sousa Silva, 49, que nunca pensou que participaria de um programa de TV em rede nacional. “Não consigo nem descrever a sensação de entrar em locais chiques. Fomos a um salão onde só vai artista famoso, e lá, a gente foi tratada como princesa”, destacou.


Sheila Gracinete, de 45, anos comentou que quando ficou sabendo que ia viajar, começou a correria para se preparem, pois não tinham roupa nem malas. “A gente não tinha mala, arrumamos até roupa emprestada. Mas a sensação de estar no palco foi espetacular, foi a primeira vez que tive aula com um coreógrafo profissional”.


Sobre o prêmio de 30 mil reais, dividido entre as três, o trio ressalta que veio em boa hora. Além de adiantar os boletos, ajudar a família também está nos planos das garis. “No meu caso, vou pagar umas contas e ajudar minha irmã que faz tratamento contra câncer em Barretos”, disse Gersonete.


Durante a exibição do programa, outros dois garis foram destaques. Rogério Gomes, de 42 anos, que é cego e trabalha como jardineiro da Comurg, foi citado como exemplo pela história de superação. Já Manoel Santos, que é artista plástico, enviou um quadro autografado para o apresentador Rodrigo Faro. “Fiquei muito feliz em ter minha obra exibida em rede nacional. Espero que Rodrigo guarde o quadro em um lugar de destaque na casa dele, pois foi feito especialmente para ele”, comentou Manoel.

Comments


Publicidade

Publicidade

bottom of page