top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Promessa de Polo de Modas em Goianésia fica mais distante de ser realizada

Mudança de destino do terreno desperta críticas sobre planejamento e uso de recursos

Promessa de Polo de Modas em Goianésia fica mais distante de ser realizada
Local onde seria construído o Polo de Modas em Goianésia - Foto: Reprodução

A promessa de campanha do prefeito Leonardo Menezes em relação à construção do Polo de Modas de Goianésia parece cada vez mais distante de ser concretizada. As obras, que haviam sido iniciadas pela prefeitura, não serão mais executadas no terreno escolhido inicialmente.


O terreno em questão, que estava destinado à construção do Polo de Modas, é o mesmo que agora será utilizado para abrigar uma unidade do SESI/SENAI em Goianésia. A mudança de direcionamento dos projetos levanta questionamentos sobre a administração dos recursos públicos, visto que o município já havia investido consideráveis quantias no início das obras.

Promessa de Polo de Modas em Goianésia fica mais distante de ser realizada

O vereador Paulo Henrique Naves (UB) expressou sua preocupação com o desperdício de recursos ao afirmar que "parece que tudo está indo por água abaixo. A falta de continuidade nos projetos e a alteração de objetivos demonstram uma gestão pouco planejada."


A Câmara de Vereadores de Goianésia foi palco de debates acalorados durante a discussão para votação do projeto de Lei relacionado à mudança de destino do terreno. O líder do prefeito na Câmara, vereador Sargento Ariosvaldo (UB), afirmou que a prefeitura pretende preparar uma nova área próxima ao aeroporto para abrigar o Polo de Modas. No entanto, até o momento, nenhum projeto relacionado a essa alternativa foi encaminhado à Câmara.


O Ogoiás buscou esclarecimentos junto aos órgãos da prefeitura. Em contato com o secretário de Indústria e Comércio de Goianésia, Carlos Veículos, foi indicado que o projeto em questão se encontra sob a responsabilidade da secretária de Trabalho. Também procuramos o secretário Daniel Fonseca, responsável pela secretaria de Trabalho, porém, até o momento da publicação desta reportagem, nossas ligações não foram atendidas. O espaço continua aberto para que a prefeitura possa se manifestar a respeito das decisões tomadas.

Comments


Publicidade

Publicidade

bottom of page