top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Dupla reprise de mulheres

A novela é um gênero televisivo muito popular no Brasil, que se consolidou como uma das principais formas de entretenimento na televisão brasileira. As novelas geralmente têm uma duração média de seis meses a um ano, e são exibidas diariamente, de segunda a sábado, com capítulos de cerca de uma hora de duração. Com todo esse amor por folhetins, a TV Globo chega entre os meses de Maio até Julho com reprises de dois FENÔMENOS.

Mulheres Apaixonadas substituta de O rei do Gado (Maio/Junho)

"Mulheres Apaixonadas" é uma novela brasileira produzida e exibida pela Rede Globo entre fevereiro e outubro de 2003. Escrita por Manoel Carlos e dirigida por Ricardo Waddington e José Luiz Villamarim, a trama teve 203 capítulos e contou com um grande elenco, incluindo nomes como Susana Vieira, Tony Ramos, Carolina Dieckmann, José Mayer, entre outros.

A história se passa em São Paulo e acompanha a vida de diversas mulheres que se apaixonam e vivem relacionamentos conturbados. Entre elas estão Helena (Cristiane Torloni), uma professora universitária que vive um romance com o médico César (José Mayer), mas acaba se envolvendo com o aluno jovem e rebelde, o músico Fred (Pedro Furtado); Edwiges (Carolina Dieckmann), uma jovem tímida que se apaixona pelo advogado Cláudio (Erik Marmo), mas enfrenta a resistência da mãe, a dona-de-casa Heloísa (Giulia Gam); e a empresária e mãe de família Raquel (Helena Ranaldi), que descobre a traição do marido Marcos (Dan Stulbach) e se envolve com o arquiteto Marcos (Leonardo Miggiorin).


A novela abordou temas polêmicos e atuais, como o relacionamento entre uma professora e um aluno, a homossexualidade feminina, a violência doméstica e a terceira idade. Além disso, teve destaque pela trilha sonora, que incluiu sucessos de artistas como Caetano Veloso, Marisa Monte, Ana Carolina, entre outros.

"Mulheres Apaixonadas" foi um grande sucesso de audiência e crítica, recebendo vários prêmios, incluindo o Emmy Internacional de Melhor Novela em 2004. É considerada até hoje como uma das melhores novelas da televisão brasileira.


Mulheres de Areia - substituta de chocolate com pimenta edição especial. (Maio/Junho)

"Mulheres de Areia" é uma novela brasileira produzida e exibida pela Rede Globo entre fevereiro e novembro de 1993. Escrita por Ivani Ribeiro e dirigida por Wolf Maya e Gonzaga Blota, a trama teve 201 capítulos e contou com um grande elenco, incluindo nomes como Glória Pires, Guilherme Fontes, Marcos Frota, Eva Wilma, entre outros.

A história se passa em uma fictícia cidade litorânea chamada Pontal D'Areia e gira em torno das gêmeas Ruth e Raquel, ambas interpretadas por Glória Pires. Ruth é doce e meiga, enquanto Raquel é egoísta e ambiciosa. A trama se desenvolve em torno do amor dos dois homens que se apaixonam pelas gêmeas: Marcos (Guilherme Fontes) se apaixona por Ruth, enquanto Daniel (Marcos Frota) se apaixona por Raquel. Além disso, a novela aborda questões como a luta pela herança da família e o relacionamento conturbado entre as irmãs gêmeas.

A novela foi um grande sucesso de audiência e crítica, recebendo vários prêmios. A atuação de Glória Pires como as gêmeas Ruth e Raquel é lembrada até hoje como um marco na teledramaturgia brasileira. A trilha sonora, composta por músicas como "Maresia" de Adriana Calcanhoto, também fez sucesso.


"Mulheres de Areia" já foi reprisada várias vezes na televisão brasileira, e é considerada até hoje como uma das novelas mais marcantes e populares da história da teledramaturgia brasileira.

 

Comentários


Publicidade

Publicidade