top of page
  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco
  • X
  • TikTok

Estudantes goianos são selecionados no programa Jovens Embaixadores 2023

Alunos Jean Pereira, da Comunidade Quilombola, e Sérgio de Andrade Filho, de Goianésia, se juntam a outros 48 estudantes brasileiros em um intercâmbio de três semanas nos Estados Unidos

Estudantes goianos são selecionados no programa Jovens Embaixadores 2023
Morador da Comunidade Quilombola Calunga Engenho 2, Jean Pereira dos Santos, de 16 anos, e Sérgio de Andrade Filho, de 18 anos, está na 3ª série do Ensino Médio no CEPMG José Carrilho, em Goianésia — Fotos: Aquivo Pessoal

Dois estudantes de Goiás foram selecionados para o programa Jovens Embaixadores 2023. Após diversas etapas, os nomes de Jean Pereira dos Santos, aluno do Colégio Estadual Calunga I – Extensão Joselina Francisco Maia, e Sérgio de Andrade Filho, do Colégio Estadual da Polícia Militar de Goiás (CEPMG) José Carrilho, foram divulgados, na última sexta-feira (04/11), pela Embaixada e Consulado dos Estados Unidos da América (EUA) no Brasil.


O Programa Jovens Embaixadores é uma iniciativa oficial do Departamento de Estado dos EUA e recebe candidaturas de todo o Brasil. A iniciativa tem como público alvo estudantes do ensino médio da rede pública que se destacam em suas comunidades pela atitude positiva, bom desempenho acadêmico, conhecimento da língua inglesa, capacidade de liderança e espírito empreendedor. Além dos goianos, outros 48 estudantes de outros 24 estados e do Distrito Federal participarão em janeiro de 2023 de um intercâmbio de três semanas nos Estados Unidos.


Jean Pereira dos Santos, de 16 anos, está na 2ª série do Ensino Médio e é estudante do programa GoiásTec. O estudante, que é morador da Comunidade Quilombola Calunga Engenho 2, conta que ficou muito ansioso ao longo das etapas do processo seletivo.


Logo na primeira delas, precisou optar por uma das seis ações sociais e projetos voluntários de que participa para se inscrever. “Eu queria colocar algum que fosse voltado à minha realidade, uma coisa que eu vivo e pela qual eu realmente estou lutando. Então eu coloquei o AGECO Ambientais, que é a abreviação de Amigos Eco Ambientais, que foi um projeto criado por mim e dois amigos na escola, em uma mostra cultural”, explica Jean sobre a ação inscrita.


Para o jovem essa é a realização de um sonho. “Eu estava naquela fase de querer ir para fora (do País), desbravar o mundo e passei a pesquisar sobre intercâmbios gratuitos. Participava de uma live do Projeto de Vida da Seduc quando uma jovem embaixadora do município de Anápolis falou sobre esse programa. A edição dela foi on-line e eu perguntei como funcionava”, relata Jean.


Quem também se prepara para embarcar para os Estados Unidos é Sérgio de Andrade Filho, de 18 anos. Matriculado na 3ª série do Ensino Médio no CEPMG José Carrilho, em Goianésia, Sérgio revela que conheceu o programa Jovem Embaixador por meio da sua professora de inglês, profissional que também foi essencial no cumprimento de cada etapa.


Assim como Jean, o primeiro desafio de Sérgio foi comprovar a participação em uma iniciativa de empreendedorismo/impacto social para ser aceito no programa. “A iniciativa que possibilitou a minha inscrição se chama “Agente Jovem”. Esse projeto tem como objetivo engajar o ambiente escolar com as problemáticas da comunidade local e proporcionar aos alunos integração e desenvolvimento de empatia e solidariedade. Buscamos contribuir para as causas de instituições de caridade e ações beneficentes, incentivando esses alunos a solucionar questões do dia a dia”, salienta Sérgio.


Orgulhoso de sua jornada, Sérgio embarca agora para aquela que vai ser a sua primeira viagem internacional e que, para ele, terá sabor de recompensa. “Me sinto realizado porque me esforcei muito durante todo o processo. Tenho expectativas de que a experiência como Jovem Embaixador será algo transformador na minha vida”, concluiu o jovem.

Comments


Publicidade

Publicidade

bottom of page